domingo, 4 de dezembro de 2016

Prefeito reeleito de Prata é diplomado junto com 11 vereadores eleitos



  
Prefeito reeleito ao lado da esposa
O prefeito reeleito de Prata, Anuar Arantes Amui e 11 vereadores eleitos e seus suplentes foram diplomados nesta quinta-feira (1º), na sede do  Cartório Eleitoral da cidade. No dia 16 de novembro, a Justiça cassou os registros das candidaturas do prefeito e do vice Sandro Vilela Teodoro. Anuar recorreu da decisão e até ser julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), pode ser diplomado e assumir o cargo.
Segundo a assessoria de imprensa do TRE-MG, o processo foi  encaminhado nesta quinta para a procuradoria regional eleitoral e ainda não há data prevista para a análise do recurso do prefeito reeleito. Ainda de acordo com a assessoria, as diplomações não seguem um cronograma e a data é escolhida pelo juiz eleitoral de cada cidade.
Segundo a juiza eleitoral de Prata, Danielle Louise Rutkowski Dias Angel, a data da diplomação na cidade foi agendada por ela ainda no início do ano. “Independentemente do candidato a ser eleito, marcamos a data para evitar indisponibilidade no dia. Eu marquei a diplomação em maio, mais ou menos, já fiz o procedimento por causa do acúmulo de crompromissos”,explicou.

Entenda o caso
Os registros das candidaturas do prefeito Anuar Arantes Amui e vice Sandro Vilela Teodoro foram cassados pela juíza eleitoral Danielle Louise Dias, que também anulou os votos obtidos por eles nas últimas eleições. Os dois e o assessor Augusto Faria de Morais foram condenados a pagar multa de cerca de R$ 53,2 mil. Anuar Amui disse que vai recorrer da decisão.
A ação é do Ministério Público Eleitoral (MP), que alega prática de condutas proibidas a todos os envolvidos. Segundo o MP, eles se utilizaram promocionalmente de bens públicos para conseguir votos.
Na denúncia consta que foi realizada uma reunião no Bairro Morada do Sol onde o prefeito disse que, caso fosse reeleito, continuaria a regularizar a situação de moradia dos habitantes do local. Na semana seguinte, o assessor jurídico da Prefeitura foi ao local entregar termos de doação dos imóveis aos moradores.
Vídeo
Um vídeo incluído no processo mostrou o momento em que o assessor jurídico da Prefeitura entrega os termos aos moradores foi incluído no processo.
Na ocasião o prefeito se defendeu e disse que não usou os documentos pra comprar votos. “Nada dissso, isso é uma regularização fundiária,  isto iniciou em 2013 logo que nós entramos aqui no nosso governo. Umas famílias humildes, famílias que precisam realmente, eram donas de fato e não de direito, precisavam . Uma área invadida há anos, mais de 20 anos e fizemos aí a regularização fundinária”, explicou.
Ele negou, ainda, a entrega dos termos de doação da área. Disse que eram aditivos aos 30 títulos entregues em dezembro do ano passado.  “Ninguém entregou nada pra ninguém foi apenas aditivo de erro de cartório. Isso tudo já foi entregue lá em dezembro de 2015.”, concluiu.

Fonte: G1 Triângulo Mineiro
Foto: Câmara Municipal do Prata


  

PM de Prata prende autores de furto na zona rural


                                                                   Animal abatido
          PRATA, 01 Dez. Após sermos acionado para atendimento de uma ocorrência de Furto com abate a Semovente, na Fazenda Serrinha, deslocamos até o local para atendimento das vítimas. Enquanto colhíamos informações sobre as características dos indivíduos, outra equipe policial solicitou apoio para atendimento de outro furto na Fazenda Meninas dos Olhos. Durante as diligências, realizamos a prisão dos autores Tiarle Arantes Gonçalves, 21 anos e a menor P. C. P, 16 anos. O autor Hiago Borges de Souza encontra se foragido. Em seguida, localizamos uma motocicleta utilizada no crime, que estava no Mato, recuperamos vários objetos que foram furtados das vítimas e aprendermos uma Espingarda Cal.32, com 11 cartuchos. Os autores confessaram a participação nos dois delitos.

Fonte: B.O. PM

Objetos recuperados
 

domingo, 27 de novembro de 2016

Caminhada "passos que salvam" aconteceu ontem domingo em Prata



Participantes da caminhada
      Manchas roxas pelo corpo, dores de cabeça, vômito, perda de peso, fraqueza e dores nos ossos parecem sintomas comuns da infância e podem ser confundidos com doenças que acometem as crianças e os adolescentes, mas também podem ser o primeiro sinal de que há algo errado acontecendo. 
      Pensando nisso,o Hospital de Câncer de Barretos realizou  ontem  domingo, 27 de novembro, em Prata  a “Caminhada Passos que Salvam”, segundo o coordenador da campanha Direito de viver em prol ao Hospital de câncer de Barretos e também desta caminhada, o Sr. Simão Tannús, "é uma campanha que visa à conscientização da população sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil."
     A caminhada teve inicio na Praça em frente ao Parque de exposições e percorreu algumas ruas da cidade e teve uma grande participação da população Pratense. Além de disseminar a informação, a “Caminhada Passos que Salvam” também possui uma ação para arrecadar fundos para o tratamento dos pacientes no Hospital de Câncer Infanto-juvenil.  Ao adquirir um kit com boné, cadarço e uma camiseta, cada participante  contribuiu com um valor em dinheiro, que será muito importante para ajudar  a  instituição.

Criminoso morre ao trocar tiros com a PM depois de roubo em Canápolis



Rafael Leonel Do G1 Triângulo Mineiro

Um homem, com idade não divulgada, morreu ao trocar tiros com a Polícia Militar (PM) em Canápolis. Ele e um jovem de 18 anos são suspeitos de assaltar um posto de combustíveis durante a noite desta sexta-feira (26). O outro envolvido foi medicado no hospital e depois conduzido para a Delegacia de Ituiutaba.
Segundo a PM, os dois criminosos estavam armados com revólver calibre 38 e renderam a dona do estabelecimento, roubando R$ 14 mil que estava no caixa. Em seguida, fugiram em uma motocicleta por uma estrada vicinal. O condutor perdeu o controle da direção e os suspeitos caíram.
Ainda conforme a ocorrência, durante a fuga eles entraram em um canavial. Contudo, o rapaz de 18 anos estava ferido e acabou sendo capturado. Ele foi levado ao hospital São José em Ituiutaba onde foi feito a sutura do corte que levou na cabeça. Na manhã desta sábado (26), o jovem foi liberado e levado pela polícia para a delegacia.
Já o outro envolvido reagiu e atirou contra a polícia, que revidou e o baleou. O criminoso não resistiu aos ferimentos e morreu.

Cerca de 700 famílias ocupam área às margens da BR-050 em Uberlândia



Cadastro conta com 2 mil famílias sem-teto
(Foto: Caroline Aleixo/G1)


    Uma área que fica às margens da BR-050 em Uberlândia, em frente ao Parque do Sabiá, foi ocupada por cerca de 700 famílias do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) na noite desta sexta-feira (25).
O G1 foi ao local na manhã deste sábado (26) conversar com os assentados, porém eles preferiram não conceder entrevista. Barracos já haviam sido montados no espaço e uma bandeira do MTST foi  fixada em um outdoor para identificar a ocupação. Muitos veículos ainda chegavam para ocupar o local.
     De acordo com o coordenador do MTST em Uberlândia, Marcos Oliveira, há mais de 2 mil famílias cadastradas para a área. “Se tratam de pessoas que devido às condições econômicas precárias não conseguem pagar aluguel. Por isso, só restou para eles a via de ocupar”, comentou.    
    O advogado da Pastoral da Terra, Igino Marcos, esteve no local e acompanha o assentamento. Por telefone, ele esclareceu que as famílias já estavam previamente cadastradas e agora aguardam o proprietário da área se manifestar para que seja feita a defesa e, posteriormente, a regularização fundiária.
    A Polícia Militar (PM) faz o monitoramento nas imediações, porém não há registro de ocorrência porque o proprietário da área não foi localizado e não acionou a corporação.